O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-
Notícia Bola Branca

Árbitro Artur Soares Dias ameaçado de morte

05 jan, 2017 - 16:47 • Rui Viegas

Juiz internacional do Porto, nomeado para dirigir o jogo do Paços de Ferreira com o FC Porto, foi abordado esta tarde por indivíduos com adereços da claque Super Dragões quando se preparava para treinar.
A+ / A-

O árbitro Artur Soares Dias foi, esta quinta-feira à tarde, ameaçado “de morte” e insultado por indivíduos com adereços da claque Super Dragões. E isto na presença do próprio presidente do Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol, José Gomes.

Ao que Bola Branca apurou junto de fonte ligada ao juiz internacional do Porto, o incidente aconteceu por volta das 14h00 quando Soares Dias se preparava para treinar na Maia. O local foi mesmo invadido pelos ditos adeptos.

Nomeado para dirigir, no próximo sábado, o Paços de Ferreira-FC Porto, Artur Soares Dias foi abordado por elementos que se identificavam com os adereços da claque Super Dragões, os quais – segundo os relatos recolhidos por Bola Branca – insultaram e ameaçaram o árbitro e a sua família de que corriam “risco de vida” caso o jogo de sábado “não corresse bem”.

Foram estas as expressões utilizadas – garante a mesma fonte – segundo a qual o incidente foi presenciado pelo próprio José Gomes.

Ao que a Bola Branca apurou, Soares Dias ficou chocado com o sucedido, mas optou, ainda assim, por manter e cumprir o plano de preparação previsto para esta quinta-feira.

Depois do incidente, o árbitro internacional português decidiu apresentar queixa contra desconhecidos.

Artur Soares Dias, de 37 anos, árbitro da Associação de Futebol do Porto, subiu à primeira categoria em 2004 e tornou-se internacional em 2010.

Foi considerado o melhor árbitro da época passada pela Liga e pela Federação Portuguesa do Futebol e também para a Renascença.

Arbitragem sob fogo

Com a arbitragem portuguesa a viver momentos atribulados, o Conselho de Arbitragem da Federação Portuguesa de Futebol decidiu convocar os clubes profissionais para uma reunião de emergência.

Sem revelar qual a ordem de trabalhos, apenas se sabe que a referida reunião irá decorrer na próxima terça-feira às 14h30 nas instalações da Cidade do Futebol.

Esta quinta-feira, o FC Porto, através da "newsletter" Dragões Diário, criticou o “ensurdecedor silêncio das autoridades do futebol nacional” face à arbitragem.

“O que está a acontecer nas competições profissionais é grave, mas parece que o mais importante é que a orquestra continua a tocar apesar de o barco estar a afundar”, aponta a publicação dos portistas.

O comentador da Renascença José Queirós fala mesmo em "colapso" da arbitragem portuguesa.

"Alguém tem que tomar medidas porque a arbitragem portuguesa atingiu o colapso. Os erros são colossais e já somos anedota a nível mundial. Está a ser terrível para quem gosta de arbitragem", afirma.

[notícia actualizada às 23h50]

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • kiki
    10 abr, 2017 mundo 16:29
    Quando o arbitro se engana a favor ficam calados como ratos não e verdade o azul e verde , bom bom era qundo o pinto da costa manipulava tudo e todos e os grunhos ganhavam tudo era lindooooo ,pois ate comprava arbitros em casa ,lindoo
  • Anonimo
    06 jan, 2017 Porto 04:00
    Para essa menina de Lisboa que ai falou só lhe digo que devia estar calada, pois o comentário foi no mínimo infeliz, pois isso não é possível. Quer se goste ou não o Benfica é muito grande e incomoda muitas gente e para alem disso, todos são prejudicados e beneficiados. Por mais que se tenha razão de queixa dos árbitros, seja qual for o clube nada justifica ameaçar os árbitros pois, como tudo na vida, acaba-se por perder a razão. Os erros dos árbitros não podem ser desculpa para os fracassos que as equipas tem, seja quem for o clube em causa
  • Sara
    05 jan, 2017 LIsboa 23:16
    so nao ve quem nao quer.uma sugestao ao benfica.criem a vossa propria liga.fazem um equipas adversarias como carne para canhao.assim serao sempre vencedores e nao precisam de andarem sempre por ai a publicitar jogadores que depois por acaso nem vale nada,mas com tantos meios de comunicacao a ajudar conseguem sempre ponteciar o irreal valores dos jogadores e assim nao tinham mais que andar para ai a comprar arbitros nem ter outra equipa de comentadores que tem reunioes para combinar o quevao dizer.benfica grande sugestao heim.srs arbritos os vossos pais devem ter muito orgulho em voces.grandes profissionais pessoas humildes.....
  • jose
    05 jan, 2017 porto 20:15
    Este palhaços que falham golos de baliza aberta são uns falhados e incompetentes e depois vem reclamar contra os árbitros. Tenham vergonha e joguem quanto baste para ganharem os jogos e não andem à procura de penaltis a favor para conseguir ganhar. Quando o arbitro se engana a favor ficam calados como ratos.
  • costa
    05 jan, 2017 porto 19:59
    é uma vergonha as ditas claques vao mas é trabalhar e deixem os arbitros sossegados devia haver castigo para as ditas claques.
  • golf
    05 jan, 2017 Matosinhos 19:49
    A grande diferença entre o benfica e os outros nos jogos desta semana, é que no jogo da luz, anularam 1 golo ao mitroglou mal anulado, e nao marcaram o penalti sobre Zivkovic, mas no final, o benfica ganhou 4-0. Será que ninguem viu esses lances?????
  • JOSE
    05 jan, 2017 Vieira do Minho 19:29
    Para quem tem a MEMORIA CURTA lembro que há mais de 30 anos que assisto sistematicamente à protecção de 3 clubes, tanto desportivamente, financeiramente e principalmente pela nosso comunicação social que sistematicamente discrimina e prejudica o nosso futebol. Agora está a mexer-se na PODRIDÃO e todos reclamam, porque todos vivem nesta situação.
  • Orlando Baptista
    05 jan, 2017 Luanda 19:23
    Ora muito bem: joguem à bola e deixem lá os srs. árbitros, coitadinhos, que são uns santos, uns incorruptos... só eram corruptos quando os vermelhos não ganhavam nada; agora é futebol total: os vermelhos jogam que se fartam... e nunca têm queixas das arbitragens, pudera! Meus senhores, só não vê que está contente com a situação. E quem é que se está a rir? Os vermelhos, claro! Que os erros v ão continuar a existir, n ão tenho dúvidas, mas que não seja sempre o mesmo prejudicado...
  • Maria Poeira
    05 jan, 2017 Plnhel 19:12
    A baixa crispaçao do PR diz estar acontecer, esta a transformar-se em rebeliao.E ainda nao chegou o diabo.Com mas escolas e pouca educaçao nao se pode esperar mais nada.E se falta o dinheirinho passa de rebeliao a revoluçao.
  • I.
    05 jan, 2017 Lisboa 19:11
    SIMON - põe-te fino! SABES O QUE É UMA GUERRA? COBARDE SENTADO COM O RABO NA CADEIRA À FRENTE DE UM TECLADO A ESCREVER SOBRE GUERRA! POR CAUSA DA PORCARIA DO FUTEBOL QUE DEVIA SER UM DIVERTIMENTO? QUE PENSAS TU QUE É A VIDA SIMON? PÕE-TE FINO SIMON! NÃO VALES O AR QUE RESPIRAS SIMON!