O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Chá e brunch solidários no Convento

01 dez, 2016 - 19:44 • Ângela Roque

Está a decorrer mais uma edição do “Natal Solidário” no Convento dos Cardaes. Comprando doces, biscoitos ou compotas ou, ao fim-de-semana, indo ali almoçar ou tomar chá, ajuda-se uma instituição que acolhe 35 mulheres com necessidades especiais.
A+ / A-

A iniciativa repete-se há vários anos, sempre com grande procura e sucesso. Desde meados de Novembro, e até 18 de Dezembro, é possível almoçar ou lanchar no Convento dos Cardaes. “É um espaço onde as pessoas se sentem bem, podem conviver e trazer amigos”, diz à Renascença a irmã Ana Maria de Sousa Vieira, acrescentando: “ao fim-de-semana temos um brunch que funciona das 12h30 até às 17 horas, ou então podem tomar um chá no claustro pequeno, a partir das 15h30 até às 19h”.

Durante toda a semana também é possível fazer “compras de Natal e dar presentes únicos aos amigos”, diz a irmã Ana Maria. Compotas, marmeladas, chutneys, “é tudo feito aqui, pelas irmãs e por várias voluntárias”, e com os produtos da horta do Convento e das doações que recebem de produtores biológicos. “Também fazemos biscoitos para o chá, temos azeite, bolos caseiros, doces e salgados”, explica.

As visitas ao Convento também são possíveis, e são uma fonte de receita. O edifício construído no século XVII resistiu ao terramoto de 1755 e conserva um valioso património de arte sacra, com várias peças raras, como são as imagens de Nossa Senhora do Loreto, do Menino Jesus Infante ou da Dormição, preservadas até hoje porque o convento nunca encerrou a sua actividade religiosa.

O “Natal Solidário” é uma das várias iniciativas que organizam ao longo do ano, para “levar as pessoas a serem solidárias com uma instituição que tem 35 pessoas com necessidades especiais, e a sua única casa e família está aqui. É para essas pessoas, e por essas pessoas, que desenvolvemos estes eventos, que para além de contribuírem para a sustentabilidade da instituição também permitem que as pessoas conheçam esta casa e esta obra, e saibam para o que é que estão a contribuir, a quem estão a ajudar”, sublinha a responsável pelos Cardaes onde funciona a Associação Nossa Senhora Consoladora dos Aflitos, das irmãs dominicanas. Fundada ainda no século XIX, é hoje uma Instituição Particular de Solidariedade Social que acolhe e cuida a tempo inteiro de mais de três dezenas de mulheres, jovens e senhoras, com multideficiência, muitas delas cegas.

O Convento fica no nº 123 da Rua do Século, perto do Príncipe Real, em Lisboa. O “Natal Solidário” prolonga-se até 18 de Dezembro, o fim-de-semana anterior ao do Natal.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.