O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Trump promete deixar os negócios para se dedicar em exclusivo à Casa Branca

30 nov, 2016 - 20:01

A 15 de Dezembro vai ser anunciada a decisão final. Os três filhos mais velhos do magnata devem ficar à frente do império imobiliário.
A+ / A-

O Presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, promete deixar as suas empresas porque “a presidência é uma tarefa muito mais importante”.

Através da rede social Twitter, Donald Trump anunciou que no dia 15 de Dezembro vai dar uma conferência de imprensa “para discutir o facto de que vou abandonar os meus fantásticos negócios para me concentrar totalmente na gestão do país, para FAZER A AMÉRICA GRANDE OUTRA VEZ!" (assim mesmo, em maiúsculas).

Num outro tweet, o futuro líder norte-americano referiu que não era obrigado a tomar esta decisão, mas que quer garantir que "não existe nenhum conflito de interesses com os negócios" que construiu nas últimas décadas.

Trump vai tomar posse como Presidente dos Estados Unidos a 20 de Janeiro de 2017. Os nomes da futura administração continuam a ser conhecidos e esta quarta-feira foram confirmados mais três: Steven Mnuchin, no Tesouro (o equivalente ao ministro das Finanças), Elaine Chao, ministra dos Transportes, e Tom Price, ministro da Saúde.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • fanã
    01 dez, 2016 aveiro 18:58
    Bem ....só muda de negociata !