O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-
Itália

De Boer pede tempo para o Inter a funcionar

19 out, 2016 - 14:19

O treinador holandês substituiu Roberto Mancini durante a pré-temporada. O Inter é 11º classificado da Serie A.
A+ / A-

Frank de Boer está consciente de os resultados ditarão sempre o seu futuro no Inter de Milão e que os números actuais lhe são muito desfavoráveis. No entanto, o treinador holandês acredita que vai conseguiu dar a volta à situação.

O clube ocupa o 11º lugar da Serie A e atravessa uma série de três derrotas consecutivas, duas para o campeonato e uma para a Liga Europa. De Boer pede tempo para transformar a máquina que tem nas mãos.

"Os resultados não são bons, mas iniciámos o projecto há pouco tempo. Para explicar esta situação posso fazer um paralelo com a Fórmula 1. É como quando um bom piloto que procura perceber durante a época o que deve fazer para melhorar. Eu estou a acabar de conhecer a equipa, é normal. Tenho confiança, ainda que saiba que os resultados contam. Penso que é, somente, uma questão de tempo", disse o treinador, durante a conferência de imprensa de lançamento do jogo com o Southampton para a Liga Europa.

De Boer pede tempo, até porque tem "uma boa equipa" sob seu comando, mas também sabe que "no futebol não há muito tempo".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.