O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

PSD contra “assalto à mão armada” que é a nova lei do IMI

23 set, 2016 - 01:33

Partidos querem obrigar a que partidos que apoiam o Executivo votem no Parlamento as alterações à lei.
A+ / A-

PSD e CDS desafiam os partidos que suportam o Governo a dizerem se aprovam as alterações ao IMI feitas pelo Executivo durante o Verão.

É esse o objectivo da apreciação parlamentar ao decreto do Governo que introduziu aumentos no imposto em função das vistas da casa ou da exposição solar.

“O objectivo do PSD é muito claro: revogar esta norma iniqua que no meio do Verão o Governo resolveu criar de multiplicar em 300% a componente de paisagem ou exposição solar em cede de IMI. Se esta cláusula estiver em vigor no próximo ano, todas as famílias vão ver o IMI aumentar”, disse.

O deputado Duarte Pacheco, coordenador do PSD para as questões do orçamento e finanças, diz que é mais um aumento de impostos inaceitável. Fala mesmo num “assalto à mão armada e, por isso mesmo, propomos a sua revogação”.

“Espero que todos os partidos que apoiam o Governo ponham a mão na consciência e, das duas uma, ou assumem que querem aumentar o IMI para todas as famílias ou se estão disponíveis para revogar a lei”, acrescentou.

Um diploma publicado em Agosto, em "Diário da República", estabelece que este imposto pode aumentar ou diminuir consoante a exposição solar ou a qualidade ambiental da habitação. As alterações definem que o coeficiente de "localização e operacionalidade relativas" possa ser aumentado até 20% ou diminuído até 10%, caso factores como a exposição solar, o piso ou a qualidade ambiental sejam considerados positivos ou negativos.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Ridiculo
    24 set, 2016 lx 14:21
    Estes PSDs devem estar a ver-se ao espelho dos últimos 4 anos em que nos assaltaram com o maior aumento de impostos, e empobrecer o país, palavras deles, legislaram abusivamente contra a Constituição, para esses efeitos, foram envergonhados pelo Tribunal Constitucional com as reprovações de muitas dessas sucessivas leis, apesar de serem protegidos por um PR do tipo "corta fitas",...É preciso ter uma desfaçatez infinita para agora andarem a querer virar o bico ao prego e apresentarem-se como os bons samaritanos! Esquecem-se que todo o mal que fizeram a milhões de portugueses, durou 4 anos e que a memória, apesar de ser curta para muitos, não se vai apagar assim tão depressa!...
  • José Sequeira Fino
    23 set, 2016 Quarteira 18:33
    Já não há saco para esta gente do PSD...que trastes!!!!!!!
  • Ribeiro
    23 set, 2016 Angra do Heroísmo 16:33
    PPD sempre do lado dos ricos
  • Tito Alfredo
    23 set, 2016 Barreiro 13:50
    Brutal aumento de impostos. Quem disse isto? Quem foi?
  • Angelino
    23 set, 2016 matosinhos 11:53
    esses tipos que estão contra o aumento das grandes fortunas se tivessem vergonha tapavam a cara deviam ser banidos da politica porque são eles que atiram o povo contra a classe politica
  • PUB
  • Pedro Ribas
    23 set, 2016 Rogil 10:54
    A esta malta do PPD somente quero relembrar o BRUTAL AUMENTO DE IMPOSTOS de Vitor Gaspar. Isso sim foi um ROUBO!
  • MARIA PIRES
    23 set, 2016 funchal 10:03
    o PSD ESTA PREOCUPADO COM AS GRANDES FORTUNAS, QUE PENA, MAS NÃO ESTEVE PREOCUPADO QUANDO TIROU AOS TRABALHADORES PARATE DO SEU VENCIMENTO. A MIM ROUBA DO MEU VENCIMENTO 400€ TODOS OS MESES, PARA ALÉM DO IRS, AO MEU MARIDO 300€. AO FIM DO ANO SÃO 7OOO€. QUE AUTORIDADE TEM PARA FALAR DE IMPOSTOS. FOI O GOVERNO QUE MAIS LIXOU OS TRABALHADORES. QUE IMPOSTORES. TEM DUAS CARAS. PARA AS GRANDES FORTUNAS O ALARIDO QUE FAZ, MAS PARA A CLASSE TRABALHADORES ATE DE " PIEGAS " NOS CHAMOU.
  • Carlos Reis
    23 set, 2016 Coimbra 09:45
    Este Passos só dá vontade de rir.
  • F.S.
    23 set, 2016 LISBOA 09:44
    Então, também não foi um assalto à mão armada, ter ido ao bolso dos trabalhadores por conta de outrem, especialmente trabalhadores em funções públicas e pensionistas e lhes terem cortado rendimento, quando tinham um contrato celebrado de boa fé????
  • mara
    23 set, 2016 portugal 09:21
    gostei de ler PCP defende a isenção de IMI para partidos e para a Igreja, grande santinho é porque está arrependido do combate que este partido tem feito à Igreja em todo o Mundo ao longo dos tempos ou para angariar votos? certamente não é por pensar no que as Instituições da Igreja ajudam os mais carenciados...Quanto aos partidos também adorei andam a ganhar os euros que os desgraçados pagam de contribuições muitos deles com sacrifícios tremendo temos o caso do IVA que se paga na alimentação, podíamos levar para casa mais um pouco de comida para dar aos filhos, mas temos que nos encolher, em contra partida os senhores não pagam IMi um grande negócio. Neste momento estou frente a um monte que tem uma casinha lá no alto, branquinha iluminada pela luz do sol radioso, até a luz do Sol tem que ser através do IMI, que fizeram os senhores para que esta casinha fosse iluminada pela luz do Sol, acaso gastaram dinheiro nalgum investimento? A água ainda gastam em canalizações etc, mas o Sol não, Deus colocou-nos na Terra deu-nos o Sol para nos iluminar, quem tem casas mais iluminadas pela luz solar, não deve esse privilégio ao estado e um dia pode acontecer que subam um prédio em frente e deixe de ter, como aconteceu com a minha casa, enfim destruirão o País, gastaram as economias do "Velho" em passeatas, e não param...encheram a AR de malta a dizer balelas que não levam a lado aigum, parece lavagem de roupa suja é só dizer: vai -te embora para ir eu para o lugar de Salazar.
  • PUB