O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Guterres “muito satisfeito” com “campanha” de Marcelo na ONU

22 set, 2016 - 21:04

Ex-primeiro-ministro considera que “esta semana foi uma semana crucial” para a sua candidatura.
A+ / A-

O candidato a secretário-geral da ONU António Guterres mostrou-se "muito satisfeito" com a acção do Presidente da República, que fez uma "campanha muito eficaz" na ONU.

Durante toda a semana, Marcelo Rebelo de Sousa e o ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, promoveram a candidatura de Guterres nos encontros bilaterais que mantiveram com dezenas de países.

O candidato diz que esta semana foi "crucial" para a sua campanha, referindo-se à Assembleia Geral da organização, em Nova Iorque.

"Acho que esta semana foi uma semana crucial. Segunda-feira há a última votação, em que os países do Conselho de Segurança que são permanentes não votarão numa cor separada e, portanto, é uma espécie de pole position" para o processo final, disse o antigo primeiro-ministro.

O português passou a semana na Assembleia Geral da ONU a multiplicar os contactos feitos nos últimos meses.

António Guterres venceu as primeiras quatro votações secretas para o cargo, que aconteceram a que aconteceram a 21 de Julho, 5 de Agosto, 29 de Agosto e 9 de Setembro.

Duas outras votações estão agendadas: uma semelhante às primeiras quatro, que acontece a 26 de Setembro, e uma na primeira semana de Outubro, em que os votos dos membros permanentes do conselho, que têm poder de veto sobre os candidatos, serão destacados.

A organização espera ter encontrado o sucessor de Ban Ki-moon, que termina o seu segundo mandato no final do ano, durante o Outono.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Vera
    23 set, 2016 Palmela 16:33
    ' Vale mais um Guterres na mão, do que outro qualquer, para nos tramar!' O Sr. Presidente Rebelo de Sousa, jogou pela certa! vamos ver se acerta!
  • Helder
    23 set, 2016 Lisboa 08:54
    José_R_Costa diga la a gente o porquê de ter sido um bom comissário dos refugiados, só um exemplo basta. O que eu esi é que esse cargo serviu para lançar a actual campanha...se Mandela e Gandhi fossem calculistas como este sujeito, nunca na vida teriam sido ENORMES, quem fala bem deste sujeito são os próprios amigos, pq sabem que irão "mamar" directamente ou indirectamente do cargo do sujeito, segundo o PR ele está exactamente como se tivesse 18, 19 anos, tal é o poder do marketing. Faço-lhe uma pergunta, quem paga esta festa toda?
  • José Rogério F.Costa
    22 set, 2016 Guimarães 22:27
    Será uma excelente escolha o snr Eng Guterres para todo o mundo,dado ter sido um bom comissário dos refugiados e essa a questão prioridade da humanidade. Cumprimentos,Rogerio Costa
  • joa
    22 set, 2016 Lisboa 22:03
    e só tacho, os contribuintes pagam esses inutis! vão mas é trabalhar malandros!! o que e que interessa a corrida ao taco desse fulano, que já desgovernou?!!
  • António Roleira Mari
    22 set, 2016 V. N. Cerveira 21:53
    Dois dos mais prestigiados Políticos Portugueses (talvez ou únicos neste momento) e que se impõem perante o mundo! Bom desempenho do Senhor Presidente da República em prol do Candidato Eng.º António Guterres que tem alta competência para o exercício das funções a que se propõe!!!
  • PUB