O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|
A+ / A-

Porto recebe apresentação mundial do novo livro da saga Harry Potter

19 jul, 2016 - 12:57

A apresentação mundial de "Harry Potter and the Cursed Child - Parts I & II" vai acontecer na Livraria Lello.
A+ / A-

A apresentação mundial de "Harry Potter and the Cursed Child - Parts I & II" vai acontecer no Porto, revela a autarquia local.

O lançamento acontecerá a 31 de Julho, na Livraria Lello, “espaço que terá inspirado a autora da saga enquanto escrevia as histórias dos jovens feiticeiros”, indica a empresa municipal Porto Lazer no seu site.

O lançamento mundial do livro está marcado para a data de aniversário da escritora J.K. Rowling e de Harry Potter, “precisamente quando soarem as 12 badaladas”. Para que todos os fãs possam adquirir em primeira mão a edição em língua inglesa, a Livraria Lello abrirá excepcionalmente à meia-noite, de 30 para 31 de Julho.

“Para antecipar o momento, a partir das 22h00 de dia 30 haverá uma festa com várias personagens da saga, com poções mágicas e muitas outras surpresas a animar os novos e velhos 'potterheads' que estiverem na fila. A icónica livraria da cidade do Porto convida ainda os próprios leitores a vestirem-se a rigor para o lançamento”, informa a Porto Lazer.

"Harry Potter and the Cursed Child - Parts I & II" foi escrito por Jack Thorne e baseia-se na história original de J.K. Rowling e John Tiffany.

"The Cursed Child" segue Harry Potter 19 anos depois de "Deathly Hallows", mostrando como cresceu o seu filho mais novo, Albus Severus Potter.


Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.