A+ / A-

“Fora do Padrão”. Uma exposição sobre a memória de outra exposição

25 jun, 2016 - 10:38

É a nova proposta do Padrão dos Descobrimentos, em Lisboa. A partir de uma (re)visita à exposição do Mundo Português, em 1940, o visitante é desafiado a deixar também a sua memória.
A+ / A-

Abre este sábado ao público a mostra intitulada “Fora do Padrão. Lembranças da Exposição de 1940”. A exposição recorda, através das memórias dos visitantes, a conhecida “Exposição do Mundo Português”.

Na investigação foram descobertas novidades, como a existência de um teleférico. “A certa altura até achávamos que era um mito, mas encontrámos um teleférico num mini-trecho num filme amador e uma mini fotografia num álbum que vai estar presente na exposição”, revela à Renascença Marta Prista, membro da equipa do Centro de Investigação em Antropologia da Universidade Nova de Lisboa, que organiza com o Padrão dos Descobrimentos a exposição.

Muitos dos entrevistados eram crianças quando visitaram a mostra que ficou para a história como uma celebração do Estado Novo. Agora, procuram-se novas memórias.

“Isto não é o resultado de uma investigação concluída, mas sim o início dela”, revela Marta Prista, explicando que cada visitante é convidado a deixar o seu contributo. “Há até um endereço de e-mail”, acrescenta.

“Fora do Padrão. Lembranças da Exposição de 1940” vai estar patente até 30 de Outubro e foi um dos temas em destaque no programa “Ensaio Geral” desta semana, que passa na Renascença todas as sextas-feiras depois das 23h00.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.