A+ / A-

​Morreu Paquete de Oliveira

11 jun, 2016 - 15:16

Jornalista e sociólogo tem um longo e importante percurso, com uma carreira marcada pela passagem por vários jornais e estações de televisão.

A+ / A-

José Manuel Paquete de Oliveira morreu este sábado, no Hospital da Luz, em Lisboa, onde se encontrava internado há dois dias. O jornalista, sociólogo e investigador tinha 79 anos.

Natural da Madeira, tem uma longa e recheada carreira, estando o seu nome ligado ao de vários jornais e estações de televisão.

Foi chefe de redacção do “Jornal da Madeira” e mais tarde transitou para “Diário de Notícias da Madeira”.

Em 1976 deixa a ilha e fixa-se no continente. Trabalhou no “Expresso”, “Diário de Lisboa” e durante uma década no “Jornal de Notícias”.

Antes de haver o curso em Portugal, em 1973, licenciou-se em Ciências da Comunicação, na Universidade Gregoriana, em Roma. Mais tarde, em 1986 doutorou-se em Sociologia da Comunicação pelo ISCTE.

Ganhou notoriedade pública como comentador do programa “Casos de Polícia”, da SIC, e mais tarde como provedor do telespectador da RTP.

Era provedor do leitor do jornal “Público” desde Dezembro de 2013.

Chegou a ser padre, mas mudou o rumo de vida. Era casado e tinha dois filhos.

O velório do sociólogo José Manuel Paquete de Oliveira decorre na basílica da Estrela, onde se celebra no domingo, pelas 14h15 a missa de corpo presente, disse fonte familiar à agência Lusa.

O funeral sai pelas 15h30 para o cemitério dos Olivais, onde o corpo será cremado pelas 17h00.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • rosinda
    12 jun, 2016 palmela 02:21
    devia estar aqui uma foto do senhor!Nem toda a gente consegue associar o nome a pessoa!