A+ / A-

Papa Francisco recebe prémio Carlos Magno por contributos para a paz

23 dez, 2015 - 13:40

O prémio Carlos Magno assinala contribuições valiosas para o entendimento na Europa Ocidental e serviço à humanidade. João Paulo II recebeu o galardão em 2004.

A+ / A-

O Papa Francisco foi anunciado esta quarta-feira como vencedor do prémio Carlos Magno para 2016. O prémio é atribuído pela cidade de Aachen, na Alemanha, onde o imperador Carlos Magno está sepultado.

O galardão tem por objectivo distinguir as “contribuições mais valiosas ao serviço do entendimento na Europa Ocidental e de serviço pela comunidade” e Francisco é apenas o segundo Papa a recebê-lo desde que foi instituído em 1950. João Paulo II foi distinguido em 2004.

O padre Federico Lombardi, director da Sala de Imprensa da Santa Sé, já veio a público dizer que o Papa aceita o prémio, agradecido, na esperança de que sirva para encorajar outros a trabalhar também para a paz em todo o mundo, recordando que Francisco não costuma aceitar distinções deste género.

No documento publicado no site da organização, em alemão, cita-se o discurso do Papa nas instituições europeias, em Estrasburgo, em Novembro de 2014, em que Francisco encorajou a Europa a reassumir o seu papel de liderança nos campos dos valores humanos, da cultura e da fé.

Lombardi acrescentou que Francisco não se deslocará à Alemanha para receber o prémio, mas que será enviado um representante de Aachen a Roma para lhe entregar o prémio pessoalmente.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.