A+ / A-

Vhils é a personalidade do ano para imprensa estrangeira

16 dez, 2015 - 02:58

Artista foi considerado "o português que mais contribuiu durante este ano para levar o nome do país ao exterior".

A+ / A-

O artista Vhils foi escolhido pela imprensa estrangeira sediada em Portugal como a personalidade portuguesa este ano, anunciou a Associação da Imprensa Estrangeira em Portugal (AIEP).

"O artista vai receber o Prémio Martha de la Cal da Associação da Imprensa Estrangeira em Portugal por ter sido considerado o português que mais contribuiu durante este ano para levar o nome do país ao exterior", refere a entidade.

Vhils vai receber o vigésimo sexto Prémio Personalidade do Ano Martha de la Cal da Associação da Imprensa Estrangeira em Portugal.

Transformar a paisagem urbana degradada num espaço de diálogo sobre a condição humana é o que marca os rostos escavados por Vhils - nome adoptado por Alexandre Farto - nas paredes, em obras de arte que realizou não apenas em Lisboa, Porto e Aveiro, mas também em Nova Iorque, Moscovo, Londres, Los Angeles e Bogotá, entre outras cidades, refere a AIEP.

O percurso artístico começou em 1988, com apenas 11 anos, na região do Seixal, realizando grafites nas paredes e em comboios. Tecnicamente, o grande salto ocorreu em 2011, quando desenvolveu a técnica de baixos-relevos que o tornou conhecido.

Criado em 1990, o galardão atribuído a Vihls reconhece o mérito de pessoas ou instituições que mais fizeram pelo nome do país no estrangeiro.

A escolha é realizada através de votação pelos cerca de 60 membros da associação, jornalistas acreditados em Portugal que trabalham para meios de comunicação estrangeiros.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.