A+ / A-

Prisão preventiva para suspeito de atropelamento na Moita

15 set, 2018 - 16:54

Acidente fez um morto e cinco feridos.
A+ / A-

O condutor suspeito de ter provocado um atropelamento de várias pessoas durante as festas da Moita fica em prisão preventiva depois de ter sido ouvido pelo juiz.

O homem de 21 anos está indiciado por 12 crimes: um de condução perigosa; 10 de homicídio qualificado na forma tentada e um de homicídio qualificado.

Na sequência deste acidente uma jovem de 17 anos morreu e cinco outras ficaram feridas.

O acidente ocorreu esta madrugada quando uma viatura a alta velocidade atropelou várias pessoas. O condutor foi detido pela GNR no local.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Anónimo
    15 set, 2018 19:20
    "Suspeito" é alguém que não se tem a certeza se foi o autor do crime. Neste caso toda a gente sabe quem foi o autor do crime pelo que a palavra "suspeito" não faz sentido, senhores jornalistas.
  • fanã
    15 set, 2018 aveiro 17:28
    Terrorismo ou caso Psiquiátrico ??????.................. Se o modus operandi , pegou em Portugal estamos mal !