A+ / A-
Revista de Imprensa

À porta fechada

12 set, 2018 - 09:19

Confira os títulos da imprensa desportiva desta quarta-feira.
A+ / A-

A punição do Conselho de Disciplina a Benfica, Braga e Paços de Ferreira, com um jogo à porta fechada, é o maior destaque da imprensa desportiva, esta quarta-feira.

"Adeptos debaixo de fogo", escreve "O Jogo". Tochas voltam a tramar águias. Benfiquistas consideram decisão "ilegal" e culpam o Estoril. Clubes recorrem para o pleno do Conselho de Disciplina. "Inferno na Luz", titula o "Record". Castigo por mau comportamento dos adeptos.

Torres Pereira surge em destaque no jornal "A Bola". O presidente da Comissão de Gestão que esteve à frente do Sporting nos últimos três meses "conta tudo". Nesta entrevista, anota que Bruno de Carvalho usou o Sporting, que a Sousa Cintra só faltou levar a cama para Alvalade, que Peseiro aceitou o convite para treinar o clube sem conhecer as condições e revela a surpresa pelo telefonema recebido da parte de Bas Dost.

Em entrevista ao "Record", também em destaque nas bancas, Torres Pereira diz que Gelson não se preocupou com o Sporting. O internacional português rescindiu contrato, alegando justa causa, e assinou pelo Atlético de Madrid.

"O Jogo" anuncia que Peseiro quer Acuña a lateral e realça o trabalho defensivo que Otávio tem apresentado neste início de época.

"A Bola" faz soar o alarme no Dragão. O Inter está interessado em Herrera e a pensar em ficar com o mexicano a custo zero. Herrera termina contrato em junho de 2019.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.