A+ / A-

Papa recebe mulher de empresário português raptado em Moçambique

21 ago, 2018 - 20:21

Salomé Sebastião vai pedir oração e intervenção do Papa para ajudar a encontrar Américo Sebastião, que está desaparecido há dois anos.
A+ / A-

A mulher do empresário português raptado em Moçambique vai ser recebida esta quarta-feira, em audiência, pelo Papa Francisco.

Nesse breve encontro, marcado para a parte da manhã, no Vaticano, Salomé Sebastião vai pedir oração e intervenção do Papa para ajudar a encontrar Américo Sebastião, que está desaparecido há dois anos.

Salomé Sebastião leva na bagagem a esperança e a fé. A aniversário dos 50 anos do marido foi há poucos dias e foi mais um dia triste. A família vai agora pedir ajuda ao Papa Francisco.

“No sentido de tornar a nossa dor um pouco mais suave, decidimos pedir uma audiência ao Santo Padre. Dado que o Papa já tem conhecimento do desaparecimento do Américo, ir agora desta vez à presença do Santo Padre e pedindo a sua intervenção direta para ajudar naquilo que estiver ao seu alcance”, conta Salomé Sebastião, à Renascença.

A mulher do empresário português reconhece o que tem sido feito nas diligências do Governo português para encontrar o marido, mas considera que é preciso fazer mais depois de dois anos sem notícias.

“O Governo português tem feito as diligências que lhe são possíveis, no entanto, é preciso continuarmos e é preciso que as diligências continuem, eventualmente outras diferentes, caberá ao Estado português decidir, mas é preciso que continuemos”, sublinha.

Nestas declarações à Renascença, Salomé Sebastião garante que não perde a esperança.

“Estou aqui para trazer o meu marido de volta, porque quero abraçá-lo novamente e sei que, se Deus quiser, isso vai acontecer. O facto de ser recebida pelo Santo Padre… Neste processo sempre peço a ajuda de Deus e dos homens”, refere a mulher de Américo Sebastião.

O empresário foi raptado há cerca de dois anos, numa bomba de gasolina na Beira, no centro de Moçambique. As autoridades não têm qualquer pista sobre o caso.


legislativas 2019 promosite
Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.