A+ / A-

Papa lamenta drama em Génova e envia solidariedade às vítimas

15 ago, 2018 - 14:45

Balanço provisório aponta para 39 mortos, entre os quais três crianças.
A+ / A-

O Papa Francisco lamentou esta quarta-feira “o evento dramático” da queda de uma ponte, na terça-feira, em Génova, e enviou a sua solidariedade às vítimas e familiares.

“Encomendo à misericórdia de Deus as pessoas que perderam a vida e expresso a minha proximidade espiritual com as famílias, os feridos, os deslocados e todos os que sofrem por este evento dramático”, disse após a oração do Angelus.

“Convido-os a unirem-se em mim em oração pelas vítimas e pelos seus entes queridos”, acrescentou Francisco.

Na terça-feira, cerca das 12h00 (menos uma hora em Lisboa), um troço de cerca de 100 metros da ponte Morandi, em Génova (norte de Itália), ruiu e arrastou dezenas de veículos numa altura de 90 metros. O troço faz parte da autoestrada 10.

Para já, o balanço das vítimas aponta para 39 mortos, entre os quais três crianças (de 8, 12 e 13 anos), e 16 feridos, 12 deles em estado grave.

As primeiras imagens do colapso da ponte em Génova
As primeiras imagens do colapso da ponte em Génova
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.