O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

Marta Soares admite "resposta tardia" ao fogo de Monchique

08 ago, 2018 - 14:00 • Isabel Pacheco

“Quando não se consegue agarrar um incêndio logo no início, é, depois, muito difícil de combater”, diz o presidente da Liga de Bombeiros Portugueses.
A+ / A-

O presidente da Liga de Bombeiros Portugueses (LBP), Jaime Marta Soares, diz que a falta das “capacidades necessárias” da direção distrital pode ter levado o comando nacional a assumir a estratégia de combate ao fogo em Monchique.

“Admito que houve, porventura, situações de resposta tardia, mais por reação do que por planeamento ou estratégia para que as coisas tivessem efetivamente outro caminho”, diz Marta Soares, à Renascença.

“Quando o comando não tem as potencialidades e as capacidades que são necessárias para um incêndio daquela dimensão, as coisas tornam-se efetivamente piores”, reforça o presidente da LBP.

Marta Soares vai mais longe e aponta, mesmo, falhas no “ataque inicial” ao fogo, que lavra há seis dias na serra algarvia. “Quando não se consegue agarrar um incêndio logo no início, é, depois, muito difícil de combater”, declara.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Incendiário serviço
    08 ago, 2018 Lisboa 17:29
    Este para além de já ter ajudado a incendiar o Sporting agora quer incendiar ainda mais o País.
  • fanã
    08 ago, 2018 aveiro 17:14
    Essas falhas tem rosto ?????............... Se Sim quem e porquê !..... não basta desculparem-se com paninhos quentes !........ Os culpados ficam sempre na sombra e de boa Saúde. O mais recente caso da "Mafia do Pinhal" deu em quê com a investigação e nunca chegou aos tribunais . IMCOMPETENTES e CRIMINOSOS são o que vocês são !........... Ao Povo resta a chorar as mortes e feridos e perca de bens de uma vida !