O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-
Ciclismo

Volta a Portugal. Stacchiotti vence novamente. Alarcón segura a amarela

06 ago, 2018 - 17:44

Ciclista italiano venceu, ao sprint, a quinta etapa da Volta a Portugal na chegada a Viseu, num percurso de 191,7 quilómetros.
A+ / A-
Stacchiotti vence quinta etapa da Volta, mas Alarcón mantém camisola amarela
Stacchiotti vence quinta etapa da Volta, mas Alarcón mantém camisola amarela

Riccardo Stacchiotti, ciclista da FocusMstina, venceu ao "sprint" a quinta etapa da Volta a Portugal, depois de já ter vencido a primeira etapa, no Algarve.

Esta é a segunda vitória do italiano nesta edição da Volta a Portugal. Stacchiotti já tinha conquistado a primeira tetapa, em Albufeira.

Raúl Alarcón mantém a camisola amarela, terminando a etapa a três segundos do vencedor, num percurso que não sorriu à equipa da W52-FC Porto, visto que Rui Vinhas esteve envolvido numa queda aparatosa. O português continuou em prova, apesar das visíveis dificuldades.

A etapa ficou mesmo marcada pelo incidente de Rui Vinhas, um dos grandes nomes do ciclismo português. Alarcón, líder da prova e colega de equipa, lamentou o sucedido:

"Estou bastante afetado. É meu irmão e fiquei muito impressionado. Vamos ver o estado em que está. Primeiro, a saúde".

Resta saber se o ciclista português conseguirá recuperar durante o dia de descanso e voltar à estrada na quarta-feira, na sexta etapa da Volta a Portugal.

O filme da etapa

Num dia em que o calor foi menos abrasador, a etapa começou em Sabugal, e pouco tardou em surgir as primeiras fugas.

Jon Isisarri, da Raja Rural e Pierpaolo Ficara, da Amore e Vita, foram os dois ciclistas que conseguiram distanciar-se do pelotão durante mais tempo, quase até ao fim da etapa.

O duo da frente foi perdendo força, que chegou a estar a quatro minutos de distância do resto do pelotão, e foi absorvido à passagem do quilómetro 177.

A Aviludo-Louletano e a W52-FC Porto dividiram a frente do pelotão até à chegada a Viseu.

O italiano Riccardo Stacchiotti voltou a sair por cima no sprint, como já o tinha feito na primeira etapa, completando o "bis".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.