A+ / A-

Éder deixa o Inter e segue para a China

13 jul, 2018 - 10:39

O internacional italiano não contava para Spalletti e assina pelo Jiangsu Suning. Chegou a ser associado ao Sporting como moeda de troca num eventual negócio po William Carvalho, entretanto a caminho do Bétis.
A+ / A-

Éder Martins encontrou solução para a sua carreira na China. O avançado ítalo-brasileiro era um dos excedentários de qualidade que o Inter de Milão procurava colocar. Chegou a ser levantada a hipótese do Sporting receber o jogador, num negócio que levaria William Carvalho para o Inter.

Sem contar para Luciano Spaletti, Éder segue para o Jiangsu Suning, clube cujos proprietários detêm a maioria do capital do Inter de Milão. Os clubes não divulgam os valores da transferência, mas há dados na imprensa que apontam para um verba a rondar os cinco milhões de euros.

Éder, de 31 anos, é brasileiro de nascimento, mas é internacional por Itália, país onde jogou desde 2006/07. Chegou ao Inter depois de representar Empoli, Frosinone, Brescia, Cesena e Sampdoria.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.