A+ / A-

Atriz porno que processou Trump foi detida

12 jul, 2018 - 11:13

Stormy Daniels foi detida num clube de striptease no Ohio.
A+ / A-

Stormy Daniels foi detida num clube de striptease no Ohio, na quarta-feira, alegadamente por ter deixado os clientes tocar-lhe enquanto atuava no palco, algo que é proibido em vários estados norte-americanos.

O advogado da atriz de filmes para adultos, que processou Donald Trump, considera a detenção uma “armadilha” com motivações políticas.

Michael Avenatti diz que a sua cliente já fez espetáculos idênticos em mais de cem clubes dos EUA. “Isto raia o desespero”, escreveu no Twitter.

O advogado espera que a cliente seja libertada em breve sob fiança e com a acusação de um crime menor por ter permitido que os clientes lhe tocassem.

Em março, a atriz revelou que teve um caso amoroso com Donald Trump e que, durante a campanha presidencial de 2016, recebeu um pagamento de mais de cem mil euros para manter o caso em segredo. Segundo Stormy Daniels, o pagamento foi feito por Michael Cohen, ex-advogado de Trump.

Após a revelação, Trump e Daniels travam uma luta judicial. A atriz moveu dois processos contra o presidente dos EUA, um por difamação e outro para poder revelar o conteúdo do acordo de confidencialidade assinado em 2016.

Michael Cohen admitiu o pagamento à atriz. Inicialmente, Trump negou ter conhecimento da transação, mas, em maio, mudou a versão dos factos e reconheceu que fez pagamentos mensais ao advogado.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.