O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

Eventual venda da Lusoponte terá impacto de 18 milhões de euros

07 jul, 2018 - 00:20

A informação foi divulgada pela empresa em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários.
A+ / A-

O grupo Teixeira Duarte anunciou na sexta-feira que a eventual venda da sua participação de 7,5% na Lusoponte a uma empresa chinesa terá um impacto nos seus resultados contabilísticos de cerca de 18 milhões de euros.

Esta informação, divulgada na página da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários na Internet, complementa a que tinha sido publicada em 21 de junho, onde dava conta de ter negociado aquela alienação por 23,3 milhões de euros.

A posição do grupo na Lusoponte -- Concessionária para a Travessia do Tejo, é titulada por uma sua participada a 100%, a Teixeira Duarte - Engenharia e Construções, S.A.

O contrato-promessa da venda foi feito com a Companhia de Investimento China-Portugal Global, Limitada.

A operação está porém ainda sujeita a autorizações e eventuais exercícios de direitos de preferência.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.