A+ / A-
Revista de Imprensa

Olá outra vez, senhor Nani

06 jul, 2018 - 08:46

Confira os títulos da imprensa desportiva desta sexta-feira.
A+ / A-

O regresso de Nani ao Sporting pinta as capas dos três jornais desportivos desta sexta-feira.

"Volta Nani", anuncia o "Record". O extremo está em Lisboa a negociar com o Sporting. "Nani volta a casa", saúda "O Jogo". Desvincula-se do Valência e assina livre, aos 31 anos. "Gelson sai, chega Nani", revela "A Bola". Martins chega a entendimento com o Atlético de Madrid.

Ainda no Sporting, Podence está muito perto do Olympiacos. Patrício despediu-se dos adeptos do Sporting. Varandas e Froes com contactos para lista única. Suspensão tira Bruno de Carvalho da corrida. Madeira Rodrigues promete Sporting "referência", com Claudio Ranieri.

O jornal "O Jogo" faz manchete com o Porto. "Bayern e Juve levam nega" por Alex Telles. Dragões recusaram propostas de 35 milhões de euros dos dois "gigantes" europeus. Cláusula de rescisão do lateral-esquerdo é de 40 milhões de euros. Sérgio não quer perder o rei das assistências. "A Bola" revela que há acordo com Bissouma, médio maliano do Lille.

Quanto ao Benfica, Ferreyra e Castillo servem para reduzir dependência de Jonas. Saída e Samaris está muito complicada. Everton insiste em Carrillo. João Amaral impressiona Rui Vitória, que prepara o primeiro corte ao grupo da pré-época. Tekpetey, extremo do Schalke, na mira.

Realiza-se hoje o sorteio da I Liga. Novas condicionantes permitem que haja clássico e/ou dérbi logo na primeira jornada. A festa do Mundial está de volta, com Uruguai-França, às 15h00, e Brasil-Bélgica, às 19h00.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.