A+ / A-
Mundial 2018

Cherchesov escolheu "a única tática possível" para bater a Espanha

01 jul, 2018 - 22:21

O selecionador russo considera, contudo, que a sua equipa devia ter feito melhor. Agora, aponta a mira às meias-finais.
A+ / A-

O selecionador da Rússia, Stanislas Cherchesov, admitiu que escolheu a única estratégia possível para derrotar a Espanha, nos oitavos de final do Mundial. E teve sucesso.

"A Espanha é melhor equipa que nós em muitas situações e nós escolhemos a única tática possível para poder ganhar este jogo. Mesmo assim, acho que podíamos e deveríamos ter atacado melhor. Acho que a vitória de hoje aconteceu porque os jogadores cumpriram tudo o que lhes pedi. Foram fiéis à tática durante 120 minutos", elogiou o técnico, em declarações reproduzidas pela Lusa.

O apuramento para os quartos de final não acontecia desde o fim da URSS. A Rússia quer continuar a fazer história: "Quando se ganha assim, soltamos as emoções todas logo após o fim do jogo. Mas, depois pensamos que vamos ter mais um jogo e temos que preparar esse jogo. O momento para festejar já passou. É preciso primeiro descansar, sobretudo após 120 minutos de jogo".

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.