A+ / A-
Mundial 2018

Hierro faz "mea culpa" mas salienta: "Tentámos de tudo"

01 jul, 2018 - 18:46

O selecionador espanhol, que substituiu Lopetegui a dias do Mundial, assume a responsabilidade pela eliminação diante da Rússia, nos oitavos de final do Mundial.
A+ / A-

Fernando Hierro aceitou carregar sobre os ombros, como selecionador, a responsabilidade pela eliminação da Espanha diante da Rússia, nos oitavos de final do Mundial 2018.

"Aceito a minha responsabilidade, como treinador. Somos um grupo vencedor e queríamos fazer algo importante. É e tem sido um prazer treinar estes jogadores. Tentámos de tudo", afirmou o técnico, em declarações após o jogo, reproduzidas pelo "El País".

O técnico explicou que o jogo se decidiu nos detalhes e assinalou que "é muito complicado atacar ante 11 jogadores à defesa".

Hierro não adiantou se deixará, ou não, o comando da seleção espanhola: "Isso não depende de mim. O que menos importa agora é se me vou manter como selecionador. Os rapazes estão desolados, todos estamos".

Hierro substituiu Lopetegui no comando técnico da seleção de Espanha, depois de o antigo treinador do FC Porto ter sido anunciado como novo técnico do Real Madrid e, consequentemente, ter sido despedido pela federação espanhola.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.