A+ / A-

ERC. Bruno Magalhães falha vitória por 0,6” no Rali de Chipre

17 jun, 2018 - 23:12

O triunfo sorriu a Simos Galatariotis. A próxima prova é o Rali de Roma Capital, de 20 a 22 de julho.
A+ / A-

Apesar de ter terminado em segundo, a escassíssimos 0,6” do local Simos Galatariotis (Skoda Fabia R5), no Rali de Chipre, quarta prova do ERC (Campeonato da Europa de Ralis), Bruno Magalhães (Skoda Fabia) ascendeu ao comando do campeonato.

É o terceiro pódio, em quatro provas, da dupla Bruno Magalhães/Hugo Magalhães, que depois de ser terceira nos Açores, venceu na Grécia e terminou em segunda em Chipre.

À partida para o segundo dia da prova cipriota, Bruno Magalhães era terceiro, mas logo na terceira das sete especiais do dia, subiu ao segundo lugar, como consequência do facto do finlandês Juuso Nordgren (Skoda Fabia R5), que comandava no início do dia, ter perdido cerca de um minuto, em consequência de uma saída de estrada, antes de abandonar.

A partir daí o português lançou-se na perseguição do piloto da casa e acabou por falhar por muito pouco o seu objetivo, ficando por saber se a anulação da 11.ª especial terá impedido a concretização da recuperação, depois de ter visto o qatari Nasser Al-Attiyah (Ford Fiesta R5) chegar ao comando, posição que voltaria a perder por causa de mais um furo.

Na origem da anulação, o fato de na especial anterior ter tido lugar um acidente, que levou ao seu cancelamento, com a organização, por questões de horário, a anular a classificativa seguinte.

No final da prova, Bruno Magalhães reconhecia que foi um segundo lugar, com sabor a vitória, depois de uma prova muito exigente e traiçoeira, mas conseguimos ultrapassar todas as dificuldades e foi por pouco que não vencemos, mas como tivemos de escolher entre correr riscos ou assumir o comando do “europeu”, optámos pela segunda com sucesso”.

Classificação

1.º, Simos Galatariotis/Antonis Ioannou (Skoda Fabia R5), 1.55’40,2”

2.º, Bruno Magalhães/Hugo Magalhães (Skoda Fabia R5), a 0,6”

3.º, Norbert Herczig/Ramon Ferencz (Skoda Fabia R5), a 1’21,4”

4.º, Nasser Al-Attiyah/Mathieu Baumel (Ford Fiesta R5), a 2’27,0”

5.º, Orhan Avcoglu/Burcin Korkmaz (Skoda Fabia R5), a 3’05,7”

6.º, Vojtech Stajf/Marcela Ehlová (Skoda Fabia R5), a 3’25,1”

7.º, David Botka/Mark Mesterhazi (Skoda Fabia R5), a 3’38,5”

8.º, Albert von Thurn und Taxis/Bjorn Degandt (Skoda Fabia R5), a 3’43,2”

9.º, Christos Demosthenos/Pambos Laos (Mitsubishi Lancer X), a 4’01,2”

10.º, Petros Panteli/Kypros Christodoulou (Mitsubishi Lancer X), a 6’44,6”

Próxima prova – Rali de Roma Capital, de 20 a 22 de julho.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.