O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

Venezuela. Maduro nomeou 11 ministros pelo Twitter

14 jun, 2018 - 22:30

As alterações são conhecidas durante o congresso do Partido Socialista Unido da Venezuela.
A+ / A-

O Presidente venezuelano, Nicolás Maduro, reformou o seu gabinete e designou, através do Twitter, 11 ministros e a presidente da Assembleia Constituinte, Delcy Rodríguez, como nova vice-presidente da República.

Delcy Rodríguez substitui no cargo Tareck El Aissami, que passa a vice-presidente setorial para a Área Económica e também para ministro de Indústrias e Produção Nacional.

As alterações no gabinete ocorrem depois das eleições presidenciais antecipadas de 20 de maio passado, em que Nicolás Maduro foi reeleito para um novo mandado de seis anos (2019-2025) e em pleno congresso do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV, o partido do Governo).

Segundo o divulgado via Twitter, Marleny Contreras, Caryl Bertho, Stella Lugo, Yomana Koteich, Mayerlin Arias, Evelyn Vásquez, vão dirigir os ministérios de Obras Públicas, da Mulher e Igualdade de Género, de Turismo, de Comércio Exterior e Investimento Internacional, de Agricultura Urbana e de Atenção às Águas, respetivamente.

Eduardo Piñate, Dante Rivas, Hipólito Abreu, Heryck Rangel, foram designados ministros de Processo Social do Trabalho, de Pesca e Aquacultura, do Transpote e do Eco-socialismo, respetivamente.

A nova ministra de Obras Públicas, dirigia, desde 2015, o Ministério do Turismo, depois de, entre 2011 e 2015, fazer parte da Comissão Permanente de Finanças e Desenvolvimento Económico do parlamento.

Caryl Bertho foi governadora do Estado venezuelano de Arágua, em 2017, e Eduardo Piñate foi deputado pelo PSUV, entre 2010 e 2015), tendo fundado no ano de 2000 a Força Socialista Bolivariana de Trabalhadores e depois o Sindicato Nacional Força Unitária Magisterial, em 2002.

Yomana Koteich desempenhava o cargo de vice-ministra de Finanças no Ministério de Economia, Finanças e Banca Pública. Em 2016 presidiu ao Banco Agrícola da Venezuela e em 2017 foi vice-ministra de Comercialização Turística.

Por outro lado, Dante Rivas, que em 2012 geriu o Serviço Administrativo de Identificação, Migração e Estrangeiros, em 2013 o Ministério de Ambiente e entre 2014 e 2015 o Ministério do Comércio.

Heryck Rangel foi fundador da Juventude do PSUV, em 2008.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.