A+ / A-
Irão

Queiroz quer "três pontos na manga" diante de Marrocos

14 jun, 2018 - 15:43

Treinador português comanda o Irão no grupo que integra ainda Portugal e Espanha.
A+ / A-

Carlos Queiroz nada tem a dizer relativamente ao despedimento de Julen Lopetegui do comando da seleção de Espanha, focando-se na estreia do Irão no Grupo B do Mundial 2018, frente a Marrocos.

O ex-selecionador nacional evitou comentar a "bomba" que abalou a "roja" e o próprio campeonato do mundo.

"Eu não vou falar sobre isso por respeito à seleção marroquina com quem vamos jogar amanhã [sexta-feira]. O nosso pensamento agora está apenas no primeiro jogo e veremos o restante dia-a-dia", afirmou o português na conferência de imprensa antes da partida frente aos marroquinos.

O técnico iraniano, que será o último adversário de Portugal no grupo B, disse estar confiante em acabar o jogo "com os três pontos na manga, já que começar a ganhar é uma vantagem em termos morais e de motivação" para os próximos embates.

"É um jogo especial, ambos somos obrigados a ganhar e é por isso que vai ser muito competitivo. Temos grandes jogadores, estamos bem preparados e prontos para começar, isso é o mais importante", completou Queiroz.

O embate entre o Irão e Marrocos está marcado para as 16h00 desta sexta-feira, em São Petersburgo.

Além dos marroquinos, o Irão defronta Espanha a 19 de junho, em Kazan, e Portugal, no dia 25, em Saransk.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.