A+ / A-

Quantos recordes bateu Ronaldo no Real Madrid?

10 jul, 2018 - 16:35 • Marília Freitas

Os números falam por si: 438 jogos, 450 golos, 132 assistências. Dezasseis títulos em nove épocas. Cristiano Ronaldo foi um quebra-recordes no Real Madrid.
A+ / A-

Veja também:


Dezasseis títulos em nove anos

Desde que chegou ao Real Madrid, Ronaldo ficou “em branco” apenas na primeira época (2009/10). Depois, foi sempre a somar. Venceu dois campeonatos de Espanha, duas Taças do Rei, duas Supertaças espanholas, quatro Ligas dos Campeões, três Supertaças Europeias e três mundiais de clubes.

Melhor marcador da história madridista

O ritmo goleador de Ronaldo fez cair recordes atrás de recordes no Bernabéu. Com 450 golos, Cristiano tornou-se o melhor marcador de sempre dos merengues, deixando para trás outros avançados lendários, como Raúl (323 golos) e Di Stéfano (308 golos).

Das mais de quatro centenas de tentos marcados, 103 foram na conversão de grandes penalidades. E por 50 vezes fez um hat-trick, ou seja, marcou três golos no mesmo jogo.

Em todas as nove épocas no Real Madrid superou as três dezenas de golos por temporada. A melhor foi a de 2014/15, quando faturou por 61 vezes.

Nessa época, Ronaldo conquistou pela segunda vez consecutiva a Bota de Ouro, que premeia o jogador com mais golos marcados na Europa.

Aliás, em 2015 a veia goleadora de Ronaldo esteve em evidência. Por duas vezes fez uma “manita” no campeonato espanhol, ou seja, cinco golos no mesmo jogo. A primeira frente Granada, no Bernabéu, a segunda, em casa do Espanhol.

Uma centena na Champions

Também na principal prova de clubes europeus, o que não faltam são recordes de Ronaldo. Para começar, é o único jogador que já a conquistou por cinco vezes (quatro das quais pelo Real Madrid), marcando em três das finais em que esteve presente.

Em 2017, tornou-se o primeiro jogador ultrapassar os 100 golos na Liga dos Campeões. Aliás, na Champions, Ronaldo tem mais golos (105) do que jogos (101). No mesmo ano, foi eleito pela quarta vez o futebolista do ano da Europa (a terceira vez com a camisola do Real).

O melhor do mundo x 5

Cristiano Ronaldo volta a ser "The Best"
Cristiano Ronaldo volta a ser "The Best"

Pelo Real Madrid que Ronaldo foi eleito quatro vezes o melhor jogador do mundo (2013, 2014, 2016, 2017). Antes, já havia conquistado a bola de ouro pelo Manchester United, em 2008.

A nível individual, com a camisola dos merengues conquistou ainda cinco botas de ouro, três pichichis (melhor marcador da liga espanhola), quatro prémios de melhor jogador da Europa e cinco prémios de melhor jogador FIFA.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • José F Rocha
    11 jul, 2018 Leça da Palmeira - Matosinhos 10:39
    No plano interno e apesar do número elevado de golos, Cristiano e a equipa do Real Madrid - recheada de estrelas como nunca qualquer equipa do mundo teve -, foi um desastre: em 9 anos com, apenas, dois Campeonatos de Espanha e duas Taças do Rei! Isto merece análise porque é um grande fracasso e há de ter uma explicação!