O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-
Rali de Portugal

Tanak parado na 1ª especial em Viana do Castelo

18 mai, 2018 - 09:29

O Yaris ficou perdido na floresta, em Viana do Castelo. O estónio fica fora da luta pela vitória no Rali de Portugal.
A+ / A-

Ott Tanak, vencedor da superespecial de Lousada, na abertura do Rali de Portugal, ficou parado logo no primeiro troço desta sexta-feira, em Viana do Castelo. O estónio era um dos favoritos à vitória, mas ficou parado nos primeiros quilómetros, no meio da floresta.

Foi possível medir o alto grau de frustração do piloto, ao lado do Toyota. Tanak fica fora da luta pelo triunfo em Portugal, mas deverá voltar para correr pelos pontos da "Power Stage"

O primeiro líder do rali, esta sexta-feira, é Hayden Paddon, em Hyundai. O neozelandês foi o mais rápido (15:29.3) a cumprir os cerca de 27 quilómetros da primeira passagem por Viana do Castelo. Os ingleses Elfyn Evans, em Ford, e Kris Meeke, em Citroen, seguem Paddon, a 1,5 e 2,2 segundos, respetivamente.

Penalizado por limpar a estrada, Ogier, o líder do Mundial de Ralis, está, após a primeira especial, no oitavo posto, a 10,2 segundos do líder.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.