O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

MP pede caução de 60 mil euros para André Geraldes

17 mai, 2018 - 21:03

De acordo com a imprensa, o Ministério Público terá pedido, também, que o diretor desportivo para o futebol do Sporting seja proibido de exercer funções desportivas e de contactar os outros três arguidos.
A+ / A-

O Ministério Público terá pedido, segundo a imprensa, que André Geraldes possa ficar em liberdade, mediante o pagamento de uma caução de 60 mil euros.

O diretor desportivo para o futebol do Sporting é um dos quatro arguidos na operação "Cashball", que investiga suspeitas de corrupção no andebol e no futebol dos leões. Geraldes optou por não prestar declarações, no Tribunal de Instrução Criminal do Porto.

De acordo com a imprensa, o Ministério Público terá pedido, também, que Geraldes seja proibido de exercer funções desportivas e de contactar os outros três arguidos. Caberá à juíza decidir se segue a recomendação.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.