A+ / A-

18 títulos em 17 anos. Os números de Buffon na Juventus

17 mai, 2018 - 11:18

Gigi diz adeus à Juventus no próximo sábado, depois de mais de 58 mil minutos a defender a baliza da “velha senhora”.
A+ / A-

Sábado será o jogo 656 - e o último - de Gianluigi Buffon pela Juventus. Foram mais de 58 mil minutos a defender a baliza da “velha senhora”.

No verão de 2001, a Juventus pagou ao AC Parma mais de 52 milhões de euros pelo guarda-redes, que viria a tornar-se numa das principais figuras do clube. Em quase metade dos jogos disputados - 310 - não deixou a bola entrar na baliza da “Juve”. Em 17 anos no clube sofreu 518 golos.

Pela Juventus, conquistou 18 títulos em Itália: nove campeonatos (o último dos quais esta época), quatro taças e cinco supertaças. Acresce ainda o título de campeão da Série B, em 2006/2007, época em que a Juventus disputou a segunda divisão. O clube de Turim tinha sido despromovido do campeonato principal devido a um escândalo de corrupção.

Em 2003, foi eleito o futebolista do ano na Europa. Nesse ano, conquistou também o campeonato e a supertaça de Itália.

Contudo, falta-lhe o troféu maior do futebol europeu. Da Liga dos Campeões resta apenas o prémio de participação em onze edições, todas a partir de 2002. Antes, havia ganho a Taça UEFA, na época de 98/99, mas pelo Parma.

No ano passado, com 39 anos, Buffon foi eleito o futebolista do ano em Itália. De acordo com os dados do Transfer Market, um site de estatística sobre futebol, é o jogador mais valioso do mundo nascido em 1978.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.