O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

​Papa “preocupado com agravamento das tensões na Terra Santa”

16 mai, 2018 - 10:44

Francisco convida a comunidade internacional a “renovar o empenho para que prevaleça o diálogo, a justiça e a paz”.
A+ / A-
​Papa “preocupado com agravamento das tensões na Terra Santa”
​Papa “preocupado com agravamento das tensões na Terra Santa”

O Papa está “preocupado com o agravamento das tensões na Terra Santa e no Médio Oriente”. Durante a habitual audiência geral das quartas-feiras, Francisco expressou a sua apreensão com os mais recentes episódios de violência, na sequência dos quais morreram mais de 60 palestinianos e cerca de dois mil ficaram feridos.

“Estou muito preocupado com o agravamento das tensões na terra santa e no Médio Oriente e com a espiral de violência que afasta cada vez mais do caminho da paz, do diálogo e das negociações”, disse Francisco.

O Papa apelou ainda à comunidade internacional, para que renovem o seu empenho nos diálogos de paz.

“Reafirmo que o uso da violência nunca leva à paz. A guerra leva à guerra e a violência leva à violência. Convido todas as partes em causa e a comunidade internacional a renovar o empenho para que prevaleça o diálogo, a justiça e a paz”, apelou.

O Médio Oriente foi palco de nova onda de violência na segunda-feira, quando cerca de 60 palestinianos foram mortos, na Faixa de Gaza, por soldados israelitas na fronteira, onde dezenas de milhares protestavam contra a transferência para Jerusalém da embaixada dos Estados Unidos em Israel, indicou o Ministério da Saúde local.

Tópicos
Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.