A+ / A-

MAI confirma que 10 helicópteros já estão prontos a operar

12 mai, 2018 - 17:06

Estes meios aéreos, que já deviam estar disponíveis desde o início de maio, foram aqueles que obtiveram visto do Tribunal de Contas na passada quinta-feira.
A+ / A-

Os dez primeiros helicópteros alugados para combate a incêndios estão posicionados nos centros de meios aéreos espalhados pelo país e prontos a operar, indicou à agência Lusa o Ministério da Administração Interna (MAI).

Segundo o MAI, estas dez aeronaves ligeiras estão sediadas nos centros de meios aéreos de Vila Real, Viseu, Arcos de Valdevez, Macedo de Cavaleiros, Loulé, Guarda, Castelo Branco, Vale de Cambra, Lousã e Sardoal.

O Ministério tutelado por Eduardo Cabrita refere ainda que estes dez helicópteros vão estar disponíveis ao longo de todo o ano de 2018 e de 2019.

Estes meios aéreos, que já deviam estar disponíveis desde o início de maio, foram aqueles que obtiveram visto do Tribunal de Contas na passada quinta-feira.

A Diretiva Operacional Nacional (DON), que estabelece o dispositivo especial de combate aos incêndios rurais (DECIR) para 2018, estabelece que, a partir da próxima terça-feira, seja ativado o nível de prontidão denominado "reforçado nível II", que se prolonga até 31 de maio, e prevê a operacionalidade de 32 meios aéreos.

Atualmente a Autoridade Nacional de Proteção Civil tem ao seu dispor 13 meios aéreos, três dos quais da frota do Estado.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.