A+ / A-
Giro de Itália

Sobe e desce. José Gonçalves volta a sair do Top 10

10 mai, 2018 - 16:51

Chegada ao Monte Etna com triunfo de um colombiano promove mudanças substanciais no topo da geral individual, que passa a ser liderada pelo britânico Simon Yates.
A+ / A-

Esteban Chaves (Mitchelton-Scott) venceu a quinta etapa do Giro de Itália, esta quinta-feira, de forma isolada, na mítica chegada ao Monte Etna, ao passo que o colega de equipa Simon Yates, segundo, passou a vestir a camisola rosa, sinónimo de liderança da geral individual.

José Gonçalves (Katusha), único português em cena na 101ª edição da Volta transalpina, foi 25º, terminando a 1m45s do colombiano, que venceu a tirada e acabou por cair de novo para baixo do Top 10 da classificação geral.

Chaves, de 28 anos, bateu o colega de equipa na meta ao fim de 4h16m11s, depois de ter integrado a fuga do dia e resistido a subida ao Etna até final, quando Yates se juntou ao esforço. O francês Thibaut Pinot (Groupama -- FDJ) cortou a meta em terceiro, a 26 segundos.

O topo da geral sofreu várias alterações, como era previsível, pela dureza da etapa. Yates assumiu o primeiro posto, com 16 segundos de vantagem em relação ao holandês Tom Dumoulin (Sunweb), vencedor em 2017, e 26 face a Chaves.

José Gonçalves, natural de Barcelos, que entrou para esta etapa em oitavo da classificação, é agora 20º, a 2m06s do britânico.

Amanhã, o pelotão enfrenta uma ligação de 159 quilómetros entre Pizzo e Praia a Mare, com um traçado adequado para uma chegada compacta e disputa da vitória ao "sprint".

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.