O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

Diretor de comunicação do Benfica anota "união de esforços entre Sporting e Porto"

30 abr, 2018 - 18:32

Luís Bernardo, em declarações à Benfica TV, diz que "é fundamental acabar com ambiente de ódio" e espera que "tudo seja investigado a fundo".
A+ / A-

Luís Bernardo considera que o contexto dos rivais do Benfica, na luta pelo título, levou a uma "união de esforços" entre eles. "O Benfica está sólido financeiramente, o Porto está intervencionado pela UEFA, o Sporting está em dificuldades para pagar um empréstimo obrigacionista e está em risco de insolvência", observa o diretor de comunicação dos encarnados, fazendo o desenho do que considera ser o contexto que levou a "uma espécie de união de esforços entre Sporting e Porto".

Este trabalho conjunto, na ótica de Luís Bernardo, tinha como finalidade fragilizar o Benfica e semeou um "ambiente de ódio que é fundamental acabar". O dirigente encarnado alude à criação de uma gabinete de crise, na Luz, que monitoriza os ataques aos campeões nacionais e deposita confiança na Justiça.

"Acredito no trabalho da Justiça e esperamos que tudo seja investigado a fundo. É curioso que todas as fugas de informação são notícias contra o Benfica, mas o Benfica está tranquilo", refere, classificando o clima de suspeição criado e as denúnicas anónimas como "insuportáveis".

O apoio de Luís Filipe Vieira

Luís Bernardo espera que "no próximo ano haja bom senso" e apela à intervenção da Federação e da Liga. O diretor de comunicação do Benfica observou, contudo, que todos no clube ainda está concentrados nesta temporada.

"Estamos muito focados nestas duas finais que faltam", observa. O dirigente destaca o papel de Luís Filipe Vieira na criação de um espírito de união. "O presidente deu todo o apoio aos jogadores. Não se escondeu atrás de críticas a jogadores e treinadores", sublinha, numa referência implícita à forma como Bruno de Carvalho se dirigiu ao plantel do Sporting, após a derrota como o Atlético, em Madrid, e que motivou uma enorme turbulência em Alvalade.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.