O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-
Taça de Portugal

Domingos vê pouca margem para gerir no clássico

17 abr, 2018 - 12:45

Sporting "vai apostar as fichas todas". Porto vem moralizado da Luz. Domingos lança a 2ª mão das meias-finais da Taça de Portugal.
A+ / A-

Domingos Paciência não acredita que Jorge Jesus e Sérgio Conceição estejam a pensar em poupar jogadores no clássico desta quarta-feira. O desgaste da época já se sente, mas o antigo treinador do Sporting e ex-jogador do FC Porto defende que "não poderá haver grande gestão".

"Estamos num momento da época em que há muito por decidir", argumenta, em entrevista à Renascença. A questão física, no entanto, poderá pesar em casos excecionais, como o de Marega. O maliano vem de lesão prolongada, fez os 90 minutos no clássico com o Benfica, e o Porto, depois de defrontar o Sporting, joga com o Vitória de Setúbal para o campeonato.

"O Porto vem de uma vitória moralizadora, mas também tem uma equipa com jogadores que vieram de lesões. O Marega, por exemplo, terá de ser gerido", antecipa, prevendo que, do outro lado, "o Sporting vai apostar as fichas todas".

"O Sporting recuperou muito a sua equipa psicologicamente. É uma equipa que acredita mais em si. O Sporting pode ganhar um título se ganhar este jogo. Vão dar tudo", reforça Domingos Paciência.

O clássico, entre Sporting e FC Porto, é esta quarta-feira, às 20h30. O jogo conta para a 2ª mão das meias-finais da Taça de Portugal. Partida com relato na Renascença e acompanhamento ao minuto em rr.sapo.pt.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.