A+ / A-

Doutorada de 64 anos é o novo ícone "acidental" de estilo

12 fev, 2018 - 16:12

Lyn Slater tornou-se conhecida quando foi fotografada, por acaso, em Nova Iorque.
A+ / A-

Lyn Kennedy Slater tem 64 anos, é doutorada em Serviço Social e tornou-se uma sensação nas redes sociais e um ícone de estilo por causa de um engano.

A professora na Universidade de Fordham esperava por uma amiga à porta do local onde se realizava a semana da moda de Nova Iorque, quando começou a ser fotografada.

“Devem ter pensado que era alguém da indústria da moda”, contou Lyn ao site BuzzFeed. A forma arrojada como estava vestida chamou de tal forma à atenção que, quando a amiga chegou, já “estava rodeada de uma pequena multidão”.

Foi precisamente essa amiga que lhe deu o apelido pelo qual hoje é mais conhecida: “Ícone Acidental”. Lyn gostou tanto da expressão que a usou para título do blogue que criou a seguir, “The Accidental Icon”.

A forma expressiva como se veste rapidamente fez sucesso nas redes sociais, nomeadamente no Instagram, onde tem mais de 400 mil seguidores.

Hoje, Lyn tem também porta aberta numa conhecida marca de alta costura — com a qual estava vestida no dia em que foi fotografada— , e da qual se tornou "embaixadora não-oficial". A partir desse momento, passou a receber roupa escolhida propositadamente para ela.

Lyn Slater continua a dar aulas de serviço social a alunos de mestrado e de doutoramento, mas agora é também modelo e foi capa de várias revistas de moda.

A nova-iorquina tem um objetivo na nova carreira: ajudar a mudar a forma de olhar para o processo de envelhecimento, em particular o das mulheres.

Lyn admite que a moda sempre fez parte da sua vida e desenvolveu o seu sentido de estilo, depois de ter estudado num colégio onde tinha de usar uniforme.

Apesar de se ter tornado um ícone da moda, o percurso de Lyn não o faria prever. É ex-diretora de um projeto sobre abuso sexual infantil na associação “Advogados pelas Crianças” (que defende os direitos das crianças institucionalizadas a cargo do estado de Nova Iorque) e é uma das especialistas em abusos de menores dos tribunais de família da região.

Agora, depois dos 60 anos a forma como sempre se vestiu abriu-lhe portas para uma nova carreira: a de “influenciadora” – alguém que dita tendências e tem muitos seguidores nas redes sociais.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.