A+ / A-

Navio que encalhou nos Açores está a derramar combustível

06 jan, 2018 - 23:46

Secretária regional dos Transportes explica que já foram colocadas no mar mangas de contenção. Equipa de mergulhares vai apurar a extensão dos estragos este domingo.
A+ / A-

O barco que encalhou este sábado nos Açores, na ilha do Pico está a derramar combustível para o mar, mas trata-se de uma pequena fuga, disse à Renascença a secretária regional dos Transportes, Ana Cunha.

A autoridades já colocaram no mar mangas para estancar qualquer derrame, explica Ana Cunha.

A secretária regional dos Transportes está na ilha do Pico a acompanhar os trabalhos. Ana Cunha diz que só este domingo vai ser feita uma avaliação com recurso a mergulhadores.

“Está tudo dependente dessa avaliação inicial que implica uma equipa de mergulhadores ir aos barcos, para depois definir os procedimentos seguintes. Entretanto foram colocadas mangas no mar à volta do barco de forma a evitar que qualquer fuga de combustível se alastre para além dessa zona delimitada”, refere a governante regional.

Quanto à retirada do navio “Mestre Simão”, Ana Cunha diz que é trabalho para os próximos dias.

“O barco parece que não consegue flutuar e temos, provavelmente, trabalho para alguns dias ou se calhar até mais”, adianta.

O navio “Mestre Simão” encalhou este sábado de manhã, com 61 passageiros e nove tripulantes.

O acidente aconteceu perto do porto da Madalena, na ilha do Pico.

Ninguém ficou ferido, a bordo seguiam 70 pessoas que foram retiradas da embarcação em meia hora.

O navio da Atlântico Line fazia a ligação entre Faial-Pico-São Jorge.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Thomaz
    07 jan, 2018 Lisboa 09:49
    "O barco parece que não consegue flutuar". Como é que uma secretária regional dos Transportes profere tal afirmação?!?!...
  • 07 jan, 2018 02:01
    o barco esta a pluir o mar!