O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

Sérgio, o Feirense-FC Porto e o Benfica-Sporting. "Não é uma quarta-feira decisiva"

02 jan, 2018 - 19:13

Treinador do FC Porto debruça-se sobre a quarta-feira "gorda" da jornada 16 da Primeira Liga.
A+ / A-

Sérgio Conceição não está minimamente preocupado em "ficar bem na fotografia", pronunciando-se sobre o resultado que mais interessava ao FC Porto no que diz respeito ao Benfica-Sporting.

E não fez previsões, esta terça-feira, durante o lançamento da visita a Santa Maria da Feira. Até porque, para o técnico de um dos líderes do campeonato, a quarta-feira "gorda" de jogos da jornada 16 da Primeira Liga nada decide na corrida pelo título.

"Estou completamente focado no jogo do FC Porto. Não falo para ficar bem na fotografia. Se ganharmos, podemos ganhar pontos aos dois ou a um dos rivais. Não faço muitas contas nesse sentido. Importante é fazer o nosso trabalho. Nada é decisivo nesta altura, ainda não chegámos à metade do campeonato. Não vai ficar nada decidido. No fim, logo se verá. Não é uma quarta-feira decisiva", disse, em conferência de imprensa.

O mês inteiro passado ao lado do treinador do Feirense

Sérgio Conceição e Nuno Manta Santos conhecem-se bem. "Tirou o quarto nível comigo, é um treinador inteligente, que sabe organizar a equipa", recordou o treinador dos azuis e brancos, confessando saber o que esperar dos "fogaceiros". Até porque a estatística e a história de um Feirense sob o comando de Nuno Manta Santos exigem um FC Porto de concentração máxima.

O Feirense é uma equipa bem organizada defensivamente. Contra os grandes tem demonstrado essa consistência. Mas nós somos uma equipa que criamos situações de finalização e não é por acaso que somos o melhor ataque. Conheço o Nuno Manta Santos, tirou o quarto nível comigo. É um treinador inteligente, que sabe organizar a equipa. Mas é o que estamos à espera. Não vai ser diferente de outros jogos", projectou, esperando um jogo "sem desculpas" da parte da sua equipa.

"Temos de pensar no que temos de fazer, no nosso objectivo, independentemente da vontade do adversário, do relvado, da luz, de tudo o que sejam dificuldades que poderemos encontrar. Não podemos encontrar qualquer tipo de desculpa e conquistar os três pontos, que é o mais importante", completou.

O Feirense-FC Porto arranca às 20h15 de quarta-feira, em Santa Maria da Feira. Jogo com relato na antena da Renascença e acompanhamento ao minuto em rr.sapo.pt.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.