O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
A+ / A-

​Preço da luz desce pela primeira vez em 17 anos

15 dez, 2017 - 19:00

Electricidade vai custar menos 0,2% no mercado regulado a partir de Janeiro.
A+ / A-

As tarifas de electricidade no mercado regulado descem 0,2% para os consumidores domésticos a partir de 1 de Janeiro, confirma o regulador do sector energético.

Os preços da electricidade não desciam desde 2000, ano em que registaram uma redução de 0,6%, depois de no ano anterior terem recuado 4,7%.

A redução de 0,2%, para cerca de 1 milhão e 200 mil consumidores domésticos, representa uma diminuição de nove cêntimos para uma factura mensal de 45,7 euros, de acordo com as contas divulgadas pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE).

A diminuição é apenas para os clientes que ainda estão no mercado regulado, assegurado pela EDP.

Em declarações à Renascença, o secretário de Estado da Energia aplaude esta descida. Jorge Seguro Sanches garante que a diminuição dos custos da electricidade é para continuar.

Sanches lembra que os clientes já podem optar e a partir de Janeiro terão informação adicional para tomar a decisão.

O secretário de estado lembra que as tarifas de acesso às redes registam uma diminuição histórica de 4,4%.

Comentários
Tem 1500 caracteres disponíveis
Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Termos e Condições Todos os comentários são mediados, pelo que a sua publicação pode demorar algum tempo. Os comentários enviados devem cumprir os critérios de publicação estabelecidos pela direcção de Informação da Renascença: não violar os princípios fundamentais dos Direitos do Homem; não ofender o bom nome de terceiros; não conter acusações sobre a vida privada de terceiros; não conter linguagem imprópria. Os comentários que desrespeitarem estes pontos não serão publicados.

  • Fausto
    16 dez, 2017 Lisboa 21:23
    Resumindo...a luz baixa...para os grandes consumidores...ou seja a indústria...espera...é só...para os domésticos..9 ha há há Há ai....
  • 16 dez, 2017 aldeia 17:58
    porque não se baixa o iva? assim a electricidade ficaria mais barata.
  • fanã
    15 dez, 2017 aveiro 19:14
    Os nove cêntimos , é uma farsa não é ?????????...................Pois é , bem me parecia !