Termina liderança bicéfala no Bloco. Catarina Martins lidera órgão com seis coordenadores

30 nov, 2014

João Semedo deixa a liderança mas mantém-se na bancada parlamentar que continua a ser comandada por Pedro Filipe Soares.
Termina liderança bicéfala no Bloco. Catarina Martins lidera órgão com seis coordenadores

A mesa nacional do Bloco de Esquerda (BE) aprovou a criação de uma Comissão Permanente que terá como porta-voz única a até agora coordenadora Catarina Martins e termina com a coordenação bicéfala.

João Semedo deixa de ser coordenador do BE, mas continua como dirigente e deputado.

Do novo órgão fazem parte Pedro Filipe Soares (também líder da bancada parlamentar), Pedro Soares, Joana Mortágua, Adelino Fortunato e Nuno Moniz. A criação deste novo órgão foi aprovada na reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda em Lisboa, uma semana depois do congresso em que as duas principais candidaturas tiveram a mesma votação.

Catarina Martins refere qe esta é uma "solução de inclusão, não de exclusão" e reafirma que "a diversidade [no partido] não é defeito, é feitio" e que "estamos mais unidos e mais fortes a defender quem mais precisa".

O partido vai continuar "a luta pela alternativa contra a austeridade. Não estaremos no conforto das meias-tintas. Para derrotar a austeridade é precisar libertar o garrote da dívida".

"Estamos prontos, o povo português pode contar com o BE", termina dizendo Catarina Martins que, entretanto, deixou grandes elogios a João Semedo que trabalhou para encontrar a solução interna.