O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
Coimbra

"A nossa forma de vida" conquista Festival Caminhos do Cinema Português

18 nov, 2012

Os vencedores dos prémios foram conhecidos no final do festival e são entregues ainda este domingo.

O realizador Pedro Filipe Marques conquistou, com o filme "A nossa forma de vida", o Grande Prémio da XIX edição do Festival Caminhos do Cinema Português, que decorreu em Coimbra.

Fonte da organização disse à Lusa que os outros "grandes vencedores" do festival são Vicente Alves do Ó e Rita Azevedo Gomes, enquanto realizadores das obras "Florbela" e "A Vingança de Uma Mulher", respectivamente, com três prémios cada.

O filme "Florbela", de Vicente Alves do Ó, foi galardoado com os prémios de Melhor Actriz, atribuído a Dalila Carmo, Melhor Caracterização, para Abigail
Machado, e Melhor Som, concedido a Jaime Barros e Elsa Ferreira.

"A Vingança de Uma Mulher", de Rita Azevedo Gomes, foi distinguido com os prémios de Melhor Direcção Artística, atribuído a Pedro Sá, de Melhor Fotografia, para Acácio de Almeida, e de Melhor Guarda-Roupa, para as produções TCC.

Além de ter arrebatado o principal prémio do festival de Coimbra, Pedro Filipe Marques foi considerado o Melhor Realizador, pelo filme "A nossa forma de vida".

O prémio de Melhor Actor foi atribuído a Cristóvão Campos, no filme "Nylon da Minha Aldeia", de Possidónio Cachapa.

O filme "Assim, Assim", de Sérgio Graciano, obteve o prémio de Melhor Actriz Secundária, com o desempenho de Margarida Carpinteiro, e o prémio para a Melhor Banda Sonora, da autoria de André Joaquim.

Dinarte Branco ganhou o prémio de Melhor Ator Secundário, no filme "A Moral Conjugal", de Artur Serra Araújo, e o prémio de Melhor Montagem foi para Raphael Lefévre, com a longa-metragem "A última vez que vi Macau", de João Pedro Rodrigues e João Rui Guerra da Mata.

O Festival Caminhos do Cinema Português, que começou no dia 9, é o único do país dedicado, na sua competição, ao cinema nacional em várias vertentes, desde os projectos finais de escola de cinema, passando pela animação, pelo documentário, pela curta-metragem e pela longa-metragem.