Vaticano dedica revista ao envelhecimento

31 jul, 2012

Editorial é assinado por D. Carlos Azevedo. A publicação oferece também um breve registo sobre o mais velho realizador do mundo em actividade: o português Manoel de Oliveira, de 103 anos.
Vaticano dedica revista ao envelhecimento

O envelhecimento é o tema central do número mais recente da revista ‘"Cultura e Fé", editada pelo Conselho Pontifício da Cultura.

O crescimento positivo da esperança de vida e a diminuição da natalidade “provocam desequilíbrios intergeracionais”, sublinha o bispo português D. Carlos Azevedo, que assina o editorial, segundo o site do Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura.

O delegado do Conselho Pontifício presidido pelo cardeal italiano Gianfranco Ravasi salienta que a participação activa dos idosos na vida social e familiar “assume na cultura um peso sobre o qual é preciso reflectir”.

A redacção pediu contributos a especialistas de diversas disciplinas sobre “a arte de envelhecer”, baseados na colaboração que os anciãos podem prestar na construção da comunidade, bem como sobre as dimensões psicológicas e espirituais da vida tendo em conta a aproximação da quarta idade.

A presença portuguesa nesta edição inclui o artigo "O envelhecimento: uma leitura psicológica", de António Fonseca, diretor da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade Católica Portuguesa do Porto.

O volume oferece também um breve registo sobre o mais velho realizador do mundo em actividade: o português Manoel de Oliveira, de 103 anos, que em 2007 recebeu o Prémio Árvore da Vida-Padre Manuel Antunes, atribuído pelo Secretariado Nacional da Pastoral da Cultura.