O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.

“A Árvore do Pão” é o novo livro de D. José Cordeiro

09 mai, 2014 • Olímpia Mairos

Obra é uma partilha de textos e reflexões dos dois primeiros anos de ministério episcopal do bispo de Bragança-Miranda.
“A Árvore do Pão” é o título do mais recente livro de D. José Cordeiro, bispo de Bragança-Miranda, que será apresentado esta sexta-feira, no Salão da Casa Episcopal de Bragança. 

A obra recolhe algumas conferências, homílias, lectio divina, e outros textos dos dois primeiros anos de ministério episcopal do prelado.
 
Para D. José Cordeiro, o livro “é um intercâmbio” e brotou do facto de “algumas pessoas pedirem os textos”. “Depois de pensar, alguém os ordenou, os recolheu e agora aparecem em livro, numa colecção que terá por nome Domus Ecclesiae (A Casa da Igreja)”.

Como base de inspiração para o título está um “túnel de castanheiros” - realidade experienciada por D. José Cordeiro, no início da “grande peregrinação das visitas pastorais” em Celas, no concelho de Vinhais.

“O castanheiro é a árvore do pão, porque era a base da alimentação do nosso povo. E hoje continua a ser uma árvore do pão. Há quem lhe chame o petróleo do nordeste transmontano. E, de facto, assim é: este ano, foi um ano feliz para muitas famílias, para muitas comunidades da nossa diocese, sobretudo para esta Terra Fria”, explica à Renascença o prelado.

A capa do livro, “metáfora do ouriço aberto, como dom e profecia para a comunidade dos crentes que reparte sempre de Cristo, nos caminhos sempre novos da missão evangelizadora”, é da autoria da pintora transmontana Graça Morais.