D. José Policarpo

“É preciso dar maior lugar ao Espírito Santo na nossa vida”

19 mai, 2013

O agora Patriarca emérito celebrou hoje missa na Sé Catedral e lembrou o significado deste Dia de Pentecostes, que comemora a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Jesus Cristo.
O Patriarca emérito de Lisboa, D. José Policarpo, lembrou este domingo a importância de dar lugar ao Espírito Santo nas nossas vidas.

“O Espírito Santo liberta o nosso corpo do pecado. Para todos nós que celebramos o Pentecostes, não vos esqueçais: é preciso dar maior lugar ao Espírito Santo na nossa vida. É preciso tomá-lo mais a sério”, afirmou durante a homilia da missa a que presidiu na Sé Catedral da
capital.

O administrador apostólico da Diocese de Lisboa sublinhou a capacidade do Espírito Santo como libertador e lembrou as palavras do Papa Francisco.

“O actual Papa, numa das suas intervenções, ainda como arcebispo de Buenos Aires mas que já repetiu como Papa Francisco, disse com graça: ‘A Igreja não é uma ONG. É mais do que isso. É completamente diferente. É o povo do Senhor’. E é o Espírito que nos dá esta capacidade de amar a Igreja, de acreditar na Igreja, de amar na Igreja. Pode ser a consequência para a qual apontam as leituras de hoje”, disse.

Hoje, a Igreja assinala o Dia de Pentecostes, celebrado 50 dias depois do domingo de Páscoa e que comemora a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Jesus Cristo. Ocorre no sétimo dia depois do dia da Ascensão de Jesus.