|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

Governo presta esclarecimentos sobre "swap" até ao fim do dia

06 ago, 2013 • Filipe d'Avillez

"Queremos tirar isto a limpo", afirmou o secretário de Estado Adjunto do ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Pedro Lomba, no "briefing" do Governo.

Até ao fim do dia vão ser prestados esclarecimentos sobre a polémica dos “swap”. “O Governo está a averiguar e a clarificar esta questão”, revelou Pedro Lomba, assegurando que o Executivo mantém total confiança na equipa das Finanças.

No "briefing", o secretário de Estado Adjunto do ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional disse que está ser a "analisado cuidadosamente" o documento apresentado como comprovando a presença do secretário de Estado do Tesouro numa reunião de apresentação de contratos de alto risco ao Governo de José Sócrates. 

“Foram detectadas inconsistências, que nesta fase merecem análise e cuidado no que concerne ao documento que está a ser apresentado como suporte da presença do secretário de Estado do Tesouro nas reuniões sobre a suposta venda de ‘swaps’ destinados à gestão da dívida pública e do défice.”

“O Governo está a averiguar e clarificar esta questão, até ao fim do dia serão prestados todos os esclarecimentos”, avançou.

Pedro Lomba insiste que o Governo quer esclarecer a verdade sobre este assunto: “Queremos tirar isto a limpo. Queremos saber se há ou não uma ligação entre a apresentação que se diz que ele fez e a reunião no gabinete do primeiro-ministro. Forneceremos logo que possível as informações sobre esta matéria.”

Executivo mantém confiança na equipa das Finanças
O secretário de Estado foi claro ao dizer que o Governo mantém total confiança em Maria Luís Albuquerque, a actual ministra das Finanças.

Também aqui, clarificou o secretário de Estado Adjunto do ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, o importante é guiar-se pelos factos. “A confiança tem de ser aferida em função de factos e resultados concretos. Esta equipa tem sido o rosto em Portugal de uma série de vitórias políticas que temos vindo a obter nos últimos meses”.

Entre estas conquistas, Pedro Lomba referiu particularmente a “redução de juros e extinções de maturidades que conduzem a poupanças de mais de 54 mil milhões nos próximos 30 anos” e recordou que a ministra foi o “rosto do regresso aos mercados, muitos duvidaram desse regresso, mas aconteceu e esse regresso é um elemento vital da nossa recuperação.”

Ainda em relação aos contratos “swap”: “Foi ela que recolheu toda a informação sobre o caso, identificou os riscos, agiu o mais rapidamente possível, está a agir rapidamente para resolver um problema que não foi o Governo que criou.”

“Falar aqui de desconfiança é completamente deslocado”, insiste Pedro Lomba, que no entanto não se referiu directamente à confiança do Governo em Pais Jorge.