|

Central nuclear espanhola sofre "paragem não programada"

24 mai, 2013

Almaraz II é refrigerada pelo rio Tejo e fica a 100 quilómetros da fronteira com Portugal.

A central nuclear espanhola de Almaraz II, refrigerada pelo rio Tejo, sofreu uma "paragem não programada do reactor" pelas 22h32 de quinta-feira, anunciou o Conselho de Segurança Nuclear espanhol. 
 
A central, situada a mais de 100 quilómetros da fronteira com Portugal, justificou às autoridades a suspensão em comunicado com uma "paragem da turbina pela actuação de uma protecção eléctrica do gerador". 
 
Porém, a central indicou que "se encontra estável e com o conjunto de parâmetros em valores normais, estando a investigar a causa que originou a actuação da protecção eléctrica do gerador que provocou o sucedido". 
 
O acontecimento "não teve repercussões nas pessoas nem no meio ambiente e classifica-se, provisoriamente, como de nível zero na escala internacional de eventos nucleares", realçou o comunicado.