O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|

Empresa portuguesa apresenta ovo estrelado embalado

14 jan, 2013 • Paula Costa Dias

Projecto foi divulgado na inauguração de uma fábrica em Pombal, um investimento de 11 milhões de euros que vai dar emprego a 40 pessoas.

O ovo estrelado embalado, o próximo projecto do grupo empresarial português, foi apresentado esta segunda-feira, em Pombal.

A Derovo revelou o protótipo de uma máquina para produção contínua de ovo estrelado, que depois é embalado individualmente e depois pode ser aquecido no microondas.

Por enquanto, o projecto visa apenas o sector da restauração, hotelaria e catering, mas pode vir a chegar ao consumidor final.

A apresentação decorreu na inauguração de uma fábrica de sobremesas, que resulta de uma parceria entre o grupo português Derovo e o espanhol Postres e Dulce Reina.

A unidade dá emprego a 43 pessoas e contou com um investimento de 11 milhões de euros.

A ministra da Agricultura, Assunção Cristas, e o ministro dos Negócios Estrangeiros marcaram presença na inauguração da fábrica. Paulo Portas defendeu a importância do “investimento estrangeiro produtivo” em Portugal e a criação de parcerias como esta.

Na cerimónia, Paulo Portas elogiou o esforço da nova geração de empresários agrícolas, que tem  levado a que os sectores agro-alimentar, agrícola e florestal representem já 20% das exportações nacionais.