|

Incêndio ameaça uma das zonas mais protegidas do Parque da Peneda-Gerês

28 mar, 2012

A Protecção Civil já registou 101 incêndios, 11 deles ainda estão activos.

Incêndio ameaça uma das zonas mais protegidas do Parque da Peneda-Gerês
O incêndio em Terras do Bouro, em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês, está a preocupar os bombeiros. Uma frente, com cerca de um quilómetro de extensão, continua activa no incêndio que lavra desde o início da tarde de ontem. Apesar de estar a ceder, o incêndio está às portas da mata da Albergaria, uma das zonas mais protegidas do Parque.

“[O fogo] está nas proximidades. Se não a conseguirmos dominar, a frente entrará mesmo na Albergaria, mas o incêndio está a ceder e, se tudo correr bem, não chegará a entrar no interior da mata”, explica à Renascença, José Dias, comandante dos bombeiros voluntários de Terras de Bouro.

No terreno, continuam 55 homens, apoiados por helicóptero pesado. Aguarda-se a qualquer momento o reforço de um segundo helicóptero para o combate ao incêndio que lavra em pleno Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Também no distrito de Braga, desde ontem à tarde que um incêndio no Lugar do Monte (Barcelos) consome área de mato. As chamas já estiveram perto de habitações, mas os bombeiros tentaram evitar o pior, estando “agora em fase de vigilância”, como refere Vítor Azevedo, do Centro Distrital de Operações de Socorro de Braga.

A Protecção Civil já registou 73 incêndios, 10 deles ainda estão activos.