|

 Casos Ativos

 Suspeitos Atuais

 Recuperados

 Mortes

Lesados do BES marcam nova manifestação e desta vez participam emigrantes

27 jul, 2015

Funcionários do Novo Banco já revelaram algum receio face à chegada de emigrantes para o protesto marcado para daqui a duas semanas. Manifestantes não querem violência na manifestação, mas não garantem nada.

Lesados do BES marcam nova manifestação e desta vez participam emigrantes

A próxima grande manifestação da Associação dos Lesados do BES decorre a 10 de Agosto, data em que se assinala a resolução do Banco Espirito Santo e a criação do Novo Banco.

Perante a indicação de que os funcionários do Novo Banco manifestaram receio face à chegada de emigrantes, Nuno Lopes, da Associação de Clientes Lesados do BES, garante que tem feito apelos a que não haja violência, embora reconheça ser difícil controlar todo o tipo de situações.

Vão participar na manifestação emigrantes de várias proveniências, diz Nuno Lopes à Renascença, voltando a criticar a actuação do Banco de Portugal. A banca nacional continua a definhar em contraciclo com a de outros países, aponta.

A 3 de Agosto de 2014, o Banco de Portugal tomou o controlo do BES, após a apresentação de prejuízos semestrais de 3,6 mil milhões de euros, e anunciou a separação da instituição em duas entidades: o chamado "banco mau" (um veículo que mantém o nome do BES e que concentra os activos e passivos tóxicos do BES, assim como os accionistas) e o banco de transição que foi designado Novo Banco.