O site da Renascença usa cookies. Ao prosseguir, concorda com o seu uso. Leia mais aqui.
|

É pensionista? Saiba quanto vai pagar com o imposto extraordinário

09 jan, 2014

Governo anunciou alterações na contribuição extraordinário de solidariedade sobre as pensões. Quem aufere entre 1.000 e 1.350 euros está entre os mais prejudicados pelas mexidas.
As pensões a partir dos 1.000 euros brutos, independentemente da natureza da entidade pagadora, vão passar a pagar a Contribuição Extraordinária de Solidariedade (CES). Até agora, a CES era aplicada às reformas iguais ou superiores a 1.350 euros.

Se é pensionista, a Renascença desenvolveu um simulador para que possa fazer as suas contas e saber quanto é que vai descontar mensalmente com a CES. Pode descarregá-lo AQUI

A calculadora apresenta a comparação com o que pagou em 2013 e o que vai passar a pagar em 2014. O simulador também lhe apresenta as perdas ao fim de 12 meses de descontos. 

Os cortes vão ser de 3,5% sobre o montante total da pensão para quem aufere entre 1.000 e 1.800 euros, quando até aqui eram de 3,5% entre 1.350 e 1.800 euros - os valores inferiores a 1.350 euros estavam isento. Deste valor em diante, a taxa sobre progressivamente. 

Há uma cláusula de salvaguarda que implica que as pensões nunca podem ficar abaixo de 1.000 euros brutos depois de aplicado o corte. Na prática, entre os 1.000 e os 1.036 euros, o corte é inferior a 3,5%. A partir de 1.037 brutos, já não é feito qualquer acerto e a perda é mesmo de 3,5% até aos 1.800 euros, valor a partir do qual os cortes percentuais se acentuam.

PARA FAZER AS SUAS CONTAS, DESCARREGUE O SIMULADOR AQUI
SE TIVER DÚVIDAS NA UTILIZAÇÃO DO SIMULADOR, ENVIE UM EM-MAIL PARA ONLINE@RR.PT